sexta-feira, 18 de março de 2011

ele e ela

Eram 14:30h , uma tarde de céu limpo , e o sol brilhava como nunca. Ela tinha ido ter com ele. Quando chegou perto dele , ela não sabia como reagir , não sabia o que fazer , nem muito menos o que lhe haveria de dizer. Ele abraçou-a com força. Ela não reagia , simplesmente. Ele olhou-a bem nos olhos. Ela baixou a cara. E então aí , ele agarrou muito selectamente na face dela e perguntou : porque é que foges? Ela virou a cara e não respondeu. Ele disse-lhe ao ouvido: confia em mim. Ela sorriu. Ele pegou-lhe na mão e levou-a com ele até um banco de jardim. Ela permanecia calada. E ele perguntou: qual é o teu medo? Ela respondeu: sofrer. Ele sentou-a no seu colo e disse-lhe: és demasiado na minha vida para te sofrer sofrer. Ela sorriu e abraçou-o. Ele fixou-se nela, e disse-lhe: vamos começar a nossa história. Ela não respondeu. E ele disse-lhe: ficas comigo? Ela acariciou-lhe a cara, deu-lhe um selecto beijo na testa e disse-lhe: não te posso prometer nada , não posso mudar nada , simplesmente quero ficar assim , contigo.

1 comentário: