quinta-feira, 7 de julho de 2011

eu devia, mas não fui capaz

sim, eu sei. eu sei que deveria ter -te dado mais e muito mais. sei que deveria ter chegado ao pé de ti e dar-te um abraço bem dado. sei que muitas das vezes merecias mais do que aquilo que eu te pude dar, mais do que aquilo que eu te dei. eu sei, sei que não sou aquilo que tu queres, aquilo que tu mereces, aquilo que te faz feliz. mas sabes? estou longe de ti há uns míseros minutos e já me fazes falta, já tenho saudades tuas, e (muitas).

1 comentário:

  1. Como eu te compreendo perfeitamente... "Queria poder ter-te comigo a cada segundo da minha vida, queria ser capaz de não fugir, de não me esconder de ti quando na verdade o que mais quero é abraçar-te"

    ResponderEliminar